sexta-feira, 1 de maio de 2009

Ela também estava alí



Depois de começar a escrever uns três textos que não passaram do primeiro parágrafo, e prolongar minha próxima postagem por vários dias, decidi que devo ou deveria começar essa postagem de uma forma bem filosófica, talvez com alguma grande citação de Freud ou Karl Max. No entanto como não me ocorre nada parecido no momento, eu vou deixar essa bobeira de filosofia, que é muito bonita e funciona muito bem na teoria, e partir para a nossa linda e colorida vidinha real!
Essa semana a minha vidinha real sofreu uma série de mudanças temporárias, não fui à faculdade, não fui à academia, entre outras atividades que compõem a minha rotina! Aproveitei mesmo o tempo pra sonhar, aliás, eu ando muito sonhadora.
Fantasiei e brinquei com a minha realidade, ouvia as músicas me permitindo encará-las como se contassem a minha vida, chorei, fiz as unhas e dei algumas risadas!
Eu sou daquelas pessoas que não admitem ouvir uma música bonita uma vez só. Meus pensamentos são tão intensos que me confundem, me fazem querer abraçar o mundo sem ter coragem de dobrar a esquina. E isso não é uma qualidade.
Minha bagagem me sufoca. Tenho tanta tralha, mais não sei ao certo em que caminho seguir. Qual a estrada que me leva pra onde eu quero estar. Talvez seja hora de me desfazer de algumas coisas, me desprenderem.
Mais não sou assim tão forte. Não quero largar o osso, mais também não tenho coragem de arregaçar as mangas e ir atrás! Eu sou uma farsa. E nem meus olhos contam mais a verdade!
Então eu deixo o tempo se encarregar de resolver tudo. Ou melhor, de apagar tudo, porque eu sei, é sempre isso o que acontece, eu viro poeira e você também!
E os dias continuarão lindos, nos convidando para as maravilhas de um mundo que ainda não conheço nada, mais que sonho em conhecê-lo, se não todo, ao menos em parte!
Talvez seja o momento de repensar o modo como estamos conduzindo as rédeas de nosso futuro, antes que seja tarde demais para abrir os olhos!
Para quem conseguiu ler minha filosofia, fica aqui um obrigado. Por compartilhar comigo, seja lá você quem for, por me dar um espaço, um pedacinho do seu dia! Se gostou volte, e se não gostou volte também. A oposição aqui é bem vinda, e a censura é livre!


Até breve, Tatiane Mortari.


11 comentários:

Taina Mortari disse...

A oposição é bem vinda e a censura é livre!

haha.. adorei!

beijos "furiosa"
;)

Mary disse...

Muita massa o post...

É, acho que somos todos uma fraude...
Tentamos viver filosoficamente, mas as teorias ficam só na teoria....

Muito bom o blog, gostei bastante!!

Xeroooo
=D

°° Desequilibrada °° disse...

Tá bom podexá que eu volto tá fia!?!

gostei do seu blog!

=D

. Larii. disse...

A oposição é bem vinda e a censura é livre! [2]

adooorei essa frase Tatiiii! :)

Rafa disse...

A oposição é bem vinda e a censura é livre! [3]


adooorei a frase amiga! :)

uma desfavorita dos deuses disse...

eu tava aliiii
ela tbm ela tbm estava ali
tava parada e olhando para mim

ahuahuahuahaua *_* eu adoro essa musica away
e o texto esta lindo amiga, cada dia melhor!
beijo

Keel Diniz disse...

somente visitandoo..amei seu blog..
bjooo
^^

gabi disse...

nossa, ameeeeeeeeei seus textos *-*

°° Desequilibrada °° disse...

Ai que blog lindo!!!

=D

Adorei seu texto!!

Ana Luiza disse...

um tempo só para nós é sempre bem vindo! tambem terei que fazer isso logo logo, se não os nervos tomarão conta de mim! beijinhos, da uma passadinha no meu blog tambem :*

Anônimo disse...

adorei esse blog...
texto inteligente...